Tag Archives: Santa Casa Alpinópolis

Eleições e atendimento no hospital são discutidos na Câmara de Alpinópolis

Na reunião da Câmara Municipal, ocorrida na segunda-feira (08), os vereadores discutiram assuntos referentes aos serviços de urgência e emergência do Hospital Cônego Ubirajara Cabral, assim como fizeram suas análises sobre os resultados do pleito ocorrido no último domingo. Também foram votados dois projetos de lei, um relativo à criação de vagas para uma unidade de saúde a ser implantada no bairro Vila Betânia e outro à abertura de crédito para aquisição de materiais para o Departamento de Educação.

Surto de dermatite em Alpinópolis e São José da Barra

Nas cidades de Alpinópolis e São José da barra mais de 200 pessoas estariam apresentando manifestação de uma enfermidade denominada dermatite, termo do linguajar médico geralmente utilizado para designar qualquer inflamação ou inchaço da pele. Conforme declarado por órgãos de saúde dos municípios onde o problema foi identificado, pessoas apresentando sintomas como vermelhidão, irritação e coceira na pele, procuram as unidades de saúde municipais há cerca de um mês, havendo o problema se intensificado nestes primeiros dias de 2014. De acordo com o médico Dr. Faria, que atende no pronto-socorro da Santa Casa de Misericórdia de Alpinópolis, apenas nos últimos 15 dias mais de 50 pacientes com esses sintomas buscaram atendimento no hospital.

Vermelhidão e irritação na pele são alguns dos sintomas da dermatite.

Vermelhidão, coceira e irritação na pele são alguns dos sintomas da dermatite.

Morte de adolescente de 15 anos será investigada pelo Ministério Público

A mãe exibe radiografia tirada dos pulmões de Milena. (foto: reprodução EPTV)

A mãe exibe radiografia dos pulmões de Milena.
(foto: reprodução EPTV)

A família da adolescente Milena Aparecida Magalhães de 15 anos que faleceu na semana passada, vítima de pneumonia, na Santa Casa de Misericórdia de Alpinópolis, decidiu apresentar denúncia contra o médico que a atendeu ao Ministério Público.

De acordo com o relatado pelos parentes, o médico teria liberado Milena na terça-feira 29 de outubro após proceder à análise de uma radiografia feita dos pulmões da jovem. Como não cessaram os sintomas, a menina voltou ao hospital no dia seguinte, mas o quadro já havia se agravado e nada mais pôde ser feito. O atestado de óbito da vítima confirma a causa do falecimento como “MORTE SÚBITA, PNEUMONIA”.