Suspeito de tráfico é preso no Jardim das Oliveiras, em Alpinópolis

Um rapaz de 33 anos foi preso, por suspeita de tráfico, na noite da última sexta-feira (27) em um bar situado no bairro Jardim das Oliveiras, em Alpinópolis. Ele foi flagrado por uma das câmeras do sistema de monitoramento “Olho Vivo”, que registrou o momento de sua saída do estabelecimento para esconder drogas em um terreno baldio nas proximidades.

Durante a execução de uma operação antidrogas, os policiais do 3º Pelotão PM receberam informações do operador do sistema de monitoramento por câmeras “Olho Vivo”, dando conta de que naquele momento acontecia uma movimentação suspeita, supostamente de tráfico, em um estabelecimento localizado à Rua Jerusalém, no Jardim das Oliveiras. Dessa forma, um militar se dirigiu até a central de monitoramento e passou a acompanhar todas as ações que ocorriam no referido local.

O sistema filmou o momento em que o rapaz saiu do interior do bar, acompanhado de outra pessoa, e se dirigiu até um terreno baldio que fica do lado direito do estabelecimento. No local ele se recostou no muro, retirou o tênis e a meia do pé esquerdo e deixou cair alguns objetos no chão. Em seguida recolheu os objetos, os colocou junto ao muro e cobriu com terra. Logo após, calçou o tênis, pisou em cima do local onde enterrou os objetos e deixou o lote baldio, em companhia da mesma pessoa.

O militar que acompanhava a ação na central de monitoramento imediatamente produziu uma cópia do vídeo da conduta e o enviou para o restante da equipe. Por volta das 23h a viatura se deslocou até o bar e o suspeito foi abordado. Ele acompanhou as buscas no terreno baldio, onde um dos militares revolveu a terra, exatamente no ponto registrado pelas imagens, e foram encontrados seis invólucros plásticos contendo cocaína.

O material foi apreendido e o rapaz preso em flagrante. Ele afirmou não ser proprietário da droga e negou que a substância se encontrava no interior de seu tênis. A pessoa que o acompanhava durante o ato disse ter visto o momento em que ele retirou algo do tênis e enterrou, porém declarou não saber do que se tratava. Durante a busca pessoal também foram encontrados com o suspeito dois aparelhos de telefone celular e a quantia de R$ 220 em dinheiro.

Diante da situação, foi dada voz de prisão ao autor. Ele foi conduzido ao pronto-atendimento do Hospital Cônego Ubirajara Cabral, onde passou por exame de corpo de delito, sendo encaminhado, logo em seguida, ao delegado plantonista da Polícia Civil em Passos.

Deixe uma resposta