Sandra do Nequinha é eleita presidente da Câmara de Alpinópolis

Em votação realizada na noite desta segunda-feira (10) foi eleita para a presidência da Câmara Municipal de Alpinópolis a vereadora oposicionista Sandra Aparecida Carvalho Nascimento, a Sandra do Nequinha (MDB). Essa é a terceira vez que a parlamentar ocupa o cargo máximo do Legislativo. A nova presidente irá substituir o colega de bancada José Acácio Vilela (PSDB), que esteve à frente da Casa nos últimos dois anos.

Sandra saiu vencedora em uma votação apertada, derrotando o candidato da situação Guilherme Lima (PSD) por cinco votos a quatro. A eleição para a Mesa Diretora, segundo preconiza o Regimento Interno, ocorre de forma isolada, uma vez que as escolhas são referentes a cada cargo e não a chapas completas.

A votação foi secreta e realizada respeitando a ordem alfabética, sendo que o resultado final confirmou a vitória de Sandra do Nequinha pelos previstos cinco votos a quatro, já que a oposição compõe a maioria no plenário. Ela ocupará a presidência até o final da legislatura, em 31 de dezembro de 2020.

Para os demais cargos foram eleitos o tucano José Acácio Vilela, como vice-presidente, derrotando Paulina Dezidéria Cândido, a Paulina do São Bento (PTB), por 9 votos a 0. Para 1º secretário o vencedor foi Mauro Celso Santos, o Mauro da Ração (PR), que bateu Joaquim Silveira, o Quinca do Tião Roberto (PTB), por 5 votos a 4. Com o cargo de 2º secretário ficou a vereadora Sandra Mara Morais da Silveira Borges, a Sandra do Joaquim Itamar (PSDB), que obteve 8 votos em uma candidatura única, havendo um voto nulo.

Os eleitos comandarão a Casa durante o biênio 2019/2020 e assumirão automaticamente os trabalhos no próximo 1º de janeiro, sem necessidade de cerimônia formal de posse. A Mesa Diretora é o órgão condutor de todos os processos legislativos e administrativos da Câmara Municipal, sendo o presidente sua mais alta autoridade, assumindo funções como dirigir, executar e disciplinar os trabalhos no âmbito legislativo, substituir o prefeito nos casos previstos em lei, representar a Câmara em qualquer situação, entre outras.

Deixe uma resposta