Protestos da população sobre a poluição da Gruta se intensificam

gruta_alpinopolis

Continuam insistentes as reclamações e protestos (principalmente através das redes sociais) da população de Alpinópolis em relação à situação caótica da Gruta. As queixas são, em sua maioria, originadas de membros da comunidade católica que lamentam o descaso com este local, que tem forte apelo religioso, e onde está sendo despejada parte do esgoto bruto da zona urbana do município. Outros reclamantes frequentes são os defensores do meio-ambiente que, inconformados, pedem providências relativas à cachoeira e aos corpos d’água onde são lançados os dejetos. “Estivemos em um dos lugares mais belo de nossa cidade, onde era o principal ponto turístico de nossa querida Alpinópolis (Ventania) e, por infelicidade, encontramos a cachoeira da Gruta em estado crítico, de total abandono, num mau cheiro insuportável e jorrando esgoto. Vamos mostrar para todos a triste realidade da nossa querida Gruta, onde todos os anos era local de comemoração do Dia de Nossa Senhora Aparecida. Vamos cobrar de nossas autoridades alguma providencia! Cadê o tratamento deste esgoto, que não acaba nunca? Quem pode nos ajudar ou nos dar uma resposta convincente? A Gruta pede socorro”, dispara um dos queixosos. “O prejuízo ambiental é grande e afeta diretamente a população que tem na Gruta um símbolo da cidade, independente de sua crença, pois aquele é um dos principais cartões postais de Alpinópolis. Alguma providência tem que ser tomada e precisa ser logo”, disse um ambientalista.

A PREFEITURA

A Prefeitura de Alpinópolis foi procurada para manifestar-se sobre o caso, mas até o fechamento desta matéria não havia retornado o contato.

Deixe uma resposta