População de Alpinópolis cresce 0,53% nos últimos 12 meses, segundo IBGE

alpinópolis_panorâmica

Estimativa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgada na última quarta-feira (30), aponta que Alpinópolis possui 19.846 habitantes. São 105 pessoas (0,53%) a mais que o registrado no levantamento anterior, realizado em 2016, quando calculou-se que a cidade possuía 19.741 moradores. A data referência para este último estudo é o dia 1º de julho de 2017. Estima-se que o Brasil tenha 207,7 milhões de habitantes e uma taxa de crescimento populacional de 0,77%.

As estatísticas mostram que Alpinópolis vem mantendo um crescimento uniforme, com pequena tendência a queda, nos últimos cinco anos. Em 2013 eram 19.391 habitantes, número que subiu para 19.513 em 2014 (+0,63%), para 19.630 em 2015 (+0,60%), para 19.741 em 2016 (+0,56%) e para 19.846 em 2017 (+0,53%).

A população das 21 cidades do Sudoeste de Minas apresenta atualmente cerca de 464 mil habitantes e a maior delas continua sendo Passos, que conta com 114.458 moradores. A menor população apontada pela estimativa do IBGE é a de Bom Jesus da Penha, com 4.203 habitantes. Alpinópolis ocupa a 6ª posição com seus 19.846 habitantes. Nenhum município da região apresentou crescimento igual ou superior a 1% nesta última estimativa.

O ranking indica que, depois de Passos, a cidade mais populosa da região é São Sebastião do Paraíso (70.533), seguida de Boa Esperança (40.530), Piumhi (34.523), Carmo do Rio Claro (21.458), Alpinópolis (19.846), Cássia (18.057), Nova Resende (16.645), Itaú de Minas (16.082), Alterosa (14.551), Guapé (14.460), Ibiraci (13.575), Ilicínia (12.358). Conceição Aparecida (10.374), Capitólio (8.682), São João Batista do Glória (7.431), São José da Barra (7.374), São Tomás de Aquino (7.222), Capetinga (7.152), Fortaleza de Minas (4.407) e Bom Jesus da Penha (4.203).

As estimativas populacionais municipais são um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União no cálculo do Fundo de Participação de Estados e Municípios e são referência para vários indicadores sociais, econômicos e demográficos. Esta divulgação anual obedece ao artigo 102 da Lei nº 8.443/1992 e à Lei complementar nº 143/2013.

As populações dos municípios foram estimadas por um procedimento matemático e são o resultado da distribuição das populações dos estados, projetadas por métodos demográficos, entre seus diversos municípios. O método baseia-se na projeção da população estadual e na tendência de crescimento dos municípios, delineada pelas populações municipais captadas nos dois últimos Censos Demográficos (2000 e 2010). A tabela com a população estimada para cada município foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) de 30 de agosto de 2017.




SOBRE OS COMENTÁRIOS

Este é um espaço de diálogo e troca de conhecimentos que estimula a diversidade e a pluralidade de ideias e de pontos de vista. Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime.

Os comentários devem ser pertinentes ao tema da matéria e aos debates que naturalmente surgirem. Mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas - e os comentaristas que habitualmente as transgredirem poderão ter interrompido seu acesso a este fórum.



Importante: Os editores não farão aviso prévio em relação a exclusão ou não aprovação de comentários.