Homem é morto a facadas no bairro CEA em Alpinópolis

assassinato_alpinópolis

Um homem de 30 anos foi encontrado morto com ferimentos de faca dentro da própria casa no bairro CEA, em Alpinópolis. O crime aconteceu na madrugada deste sábado (23) e as razões ainda não foram esclarecidas, porém há indícios de que houve motivação passional.

Por volta das 8h:20min a Polícia Militar foi acionada por uma testemunha e compareceu a uma residência situada à Rua Santíssima Trindade, no bairro CEA, onde o corpo do lavrador Claudino Soares dos Santos foi encontrado, deitado de bruços em um sofá, apresentando ferimentos na região do tórax e membros inferiores. Os militares isolaram o local e a perícia foi chamada para realizar os trabalhos de praxe, cujas constatações apontaram haver três perfurações no cadáver, sendo uma na coxa e outras duas no lado esquerdo do peito. Posteriormente o laudo de necropsia demonstrou que foram quatro facadas e que uma delas acertou mortalmente o coração da vítima.

De acordo com relato das testemunhas, na noite anterior, aconteceu o rompimento de um conturbado relacionamento amoroso que a vítima mantinha, há algum tempo, com uma mulher de 31 anos. Segundo consta, em data anterior, Claudino já havia tentado suicídio em função de uma separação semelhante.

A mulher em questão, após ser localizada pela PM, confirmou que havia rompido o relacionamento com a vítima e esclareceu que a motivação seria em função da descoberta de um relacionamento homossexual mantido por Claudino com um rapaz de 34 anos. Ela ainda relatou que a vítima, durante a tarde do mesmo dia, esteve presente em um bar onde se envolveu em uma briga. A informação foi confirmada posteriormente pelo dono do estabelecimento que ainda esclareceu que a confusão se deu entre Claudino e dois irmãos da ex-namorada.

O rapaz, que supostamente se relacionava com a vítima, foi visto na mesma noite entrando na residência onde ocorreu o crime. Procurado pela polícia ele relatou que, por volta das 23h, encontrou-se com Claudino em uma praça do bairro CEA e de lá seguiram para a referida casa, local onde a ex-mulher chegou repentinamente e  os teria flagrado em intimidades. Ele esclareceu ainda que, após serem surpreendidos, deixou a residência dirigindo-se a um bar para comprar bebidas e, quando voltou, a mulher ainda encontrava-se na casa. Complementou dizendo que posteriormente saiu novamente do local, dessa vez para comprar cigarros, e não mais retornou. A mulher negou a versão do rapaz afirmando que quem havia deixado primeiramente a residência teria sido ela.

Diante do exposto tanto a mulher quanto o rapaz foram conduzidos à autoridade policial de plantão no município de Passos.

Leave a Reply