Enfermeira é atacada por motoqueiro no Mundo Novo em Alpinópolis

Polícia Civil - Alpinópolis

No início da manhã desta quarta-feira (13), nas imediações da Rua Pará, no bairro Mundo Novo, uma mulher foi atacada por um motoqueiro no momento em que caminhava rumo a seu local de trabalho. Uma ocorrência foi registrada na delegacia de Polícia Civil de Alpinópolis e, ao que tudo indica, a intenção do autor era de violentar a vítima.

Era por volta das 5h:50min quando a vítima, uma enfermeira de 27 anos, saiu de sua residência rumo ao Hospital Cônego Ubirajara Cabral, seu local de trabalho, e notou que havia passado por ela uma motocicleta. Instantes depois percebeu que o condutor do veículo deu meia-volta e dirigiu-se a seu encontro, momento em que começou a correr.

O motoqueiro alcançou a vítima e a segurou pelo braço, ocasião em que ela começou a se debater e, diante disso, ele acelerou a moto. Ela chegou a oferecer a bolsa e o celular ao autor, pensando tratar-se de um assalto, porém ele não deu atenção e continuou a segurá-la. A alça da bolsa que levava ficou presa em uma parte da motocicleta e acabou se arrebentando, instante em que a mulher caiu no chão. O rapaz passou então a dar voltas com a moto em torno da vítima caída. No entanto ela conseguiu pegar a bolsa e arremessar contra o rosto do indivíduo, momento em que ele se desequilibrou e, assustado, fugiu rumo à subestação da Cemig.

A vítima foi socorrida por uma moradora que, a seu pedido, ligou para seu namorado que, minutos depois, foi busca-la e a levou para o hospital. Ela sofreu escoriações nas mãos, joelhos e no braço esquerdo.

A enfermeira relatou que o agressor usava um capacete de cor escura, era moreno claro, alto, vestia calça jeans e uma camisa polo com listas verdes desbotadas. Ela disse ainda que a moto era de cor escura. A ocorrência foi registrada na delegacia de Polícia Civil e o autor está sendo procurado.

Deixe uma resposta