Douglas Tintas é preso novamente por dirigir embriagado

O carro oficial da Câmara sofreu avarias e foi recolhido em pátio credenciado

O carro oficial da Câmara sofreu avarias e foi recolhido em pátio credenciado

O presidente da Câmara de Alpinópolis Douglas Brasileiro Freire, o Douglas Tintas (PP), voltou a se envolver em confusão com o carro oficial do Poder Legislativo, sendo novamente preso por dirigir embriagado. Dessa vez o fato aconteceu em Alfenas, na BR-491, durante a noite desta sexta-feira (13) por volta das 21hs, mais especificamente no trevo da perimetral que dá acesso ao bairro Pinheirinho. O presidente conduzia o veículo Jetta sentido a Areado e bateu no canteiro em frente a um motel.

Após ser abordado pela Polícia Militar Rodoviária o parlamentar relatou que o acidente aconteceu no momento em que ele se desviava de um cachorro na pista. O carro sofreu sérias avarias e foi recolhido a um pátio credenciado do Detran/MG.

Segundo os militares Douglas Tintas apresentava visíveis sinais de embriaguez e se recusava a receber socorro ou qualquer tipo de atendimento médico. Diante dos fatos, a equipe policial realizou o teste do bafômetro quando foi constatado 0,83 mg/l (miligramas de álcool por litro de ar expelido), sendo que a tolerância é de 0,33 mg/l.

O vereador foi preso em flagrante por embriagues ao volante e encaminhado para Delegacia Regional de Polícia Civil em Alfenas, onde foi estipulada fiança de R$ 1.000,00. Douglas Tintas pagou e foi liberado.




SOBRE OS COMENTÁRIOS

Este é um espaço de diálogo e troca de conhecimentos que estimula a diversidade e a pluralidade de ideias e de pontos de vista. Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime.

Os comentários devem ser pertinentes ao tema da matéria e aos debates que naturalmente surgirem. Mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas - e os comentaristas que habitualmente as transgredirem poderão ter interrompido seu acesso a este fórum.



Importante: Os editores não farão aviso prévio em relação a exclusão ou não aprovação de comentários.