Alpinópolis encerra 2018 com 871 microempreendedores constituídos

 

O município de Alpinópolis fechou o ano de 2018 com 871 pessoas trabalhando por conta própria e formalizadas como Microempreendedores Individuais (MEI), número que aumentou 6,74% em relação a 2017. No início do ano passado havia no município 816 registros, o que representa um acréscimo de 55 formalizações, segundo dados do Portal do Empreendedor disponibilizados pelo governo federal em janeiro.

O perfil geral do MEI alpinopolense mostra que a maioria está concentrada em três faixas etárias: 31 a 40 anos (33%), 41 a 50 (24%) e 21 a 30 anos (22%). Em relação ao gênero, os números demonstram que, na cidade, 53% dos formalizados são homens e 47% são mulheres. No que toca à atividade, a que conta com maior número de registros é denominada “Comércio Varejista de Artigos do Vestuário e Acessórios”, com 94 formalizações. Em segundo aparece a categoria “Cabelereiros” com 72 registros; seguida por “Obras de Alvenaria” com 37; “Lanchonetes, Casas de Chá, Sucos e Similares” com 33; “Bares e Outros Estabelecimentos Especializados em Servir Bebidas” com 24 e “Serviços Ambulantes de Alimentação” também com 24 formalizados.

O trabalhador conhecido como informal pode se tornar um MEI legalizado e passar a ter CNPJ, o que facilitará a abertura de conta bancária, pedidos de empréstimos e permitirá a emissão de notas fiscais. Em suma, o microempreendedor individual pode ser definido como a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para se encaixar nas exigências é necessário que o faturamento da atividade seja, no máximo, de até R$ 81 mil por ano ou R$ 6,75 mil por mês e que o titular não tenha participação societária em outra empresa.

O MEI é enquadrado no Simples Nacional e está isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). Assim, paga apenas o valor fixo mensal de R$ 50,90 (comércio ou indústria), R$ 54,90 (prestação de serviços) ou R$ 55,90 (comércio e serviços). Com essas contribuições, o microempreendedor individual tem acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria, entre outros.

Leave a Reply