Arquivos mensais: Maio 2015

“Nascido para o Mundo, adotado pelo Mestre” – obra de Virgílio Freire

virgilioLivros, bons livros, são verdadeiras pedras preciosas para o cérebro ou, se preferir, para a alma. Aliás, até maus livros, se bem lidos, se tornam pelo menos uma vistosa bijuteria. A literatura não serve apenas para interpretar e compreender a vida, revelando comédias, dramas e tragédias que constituem a essência da natureza humana. Ela expande e enriquece a própria vida, criando um mundo imaginário, com seres fictícios que, como diria o saudoso poeta Omar Kraüss, “têm algumas vezes existência mais real do que os próprios seres humanos”. Porém a boa literatura nunca perca suas raízes históricas. É sempre fruto de uma realidade situada no espaço e no tempo. Por seu valor estético, no entanto, se eterniza. Ventania é terra de habilidosos escritores que sabem muito bem disso. Virgílio Freire é um deles.

Para os que ainda não sabiam, que o saibam agora: Virgílio é escritor. E dos bons. Esse alpinopolense amigo das letras nasceu em Ventania em 20 de setembro de 1971, filho de José Freire Gonçalves (Zé do Nelson) e Maria Madalena Morais Freire e pai de uma filha, Letícia. Formado no curso de Letras pela Fundação de Ensino Superior de Passos e pós-graduado em Português e Literatura pela FIJ Faculdades Integradas de Jacarepaguá no Rio de Janeiro. É funcionário do Banco do Brasil desde 1987, onde iniciou sua carreira aos 15 anos de idade como office-boy. Hoje atua como gerente na área de produtores rurais. É diretor da Associação Filantrópica “Apóstolos de Cristo”, entidade sem fins lucrativos que mantém um dos maiores palcos bíblicos a Céu aberto do Brasil, o “Monte das Oliveiras”. Mas o que hoje nos interessa, como dito no início, é o escritor. Seu talento ainda tem um único fruto, o livro Nascido para o Mundo, adotado pelo Mestre (clique no título para baixar o arquivo PDF), obra que embasa essa matéria.

Reunião da Câmara de Vereadores – 25/05/2015

legislativo em focoApós a chamada nominal, o secretário da Mesa Diretora constatou a presença de nove vereadores e o presidente, por haver quorum, abriu oficialmente a sessão às 18h40min.

A ata da reunião anterior foi lida, colocada em discussão e aprovada.

A secretaria do Legislativo fez a leitura do expediente, sendo:

– Entrada do PLC 007/2015 (Prorefis)

– Entrada do PL 018/2015 (Plano Municipal de Educação)

– Entrada do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias 2016

– Moção de Pesares às famílias de Joaquim Lemos Freire, José Pimenta Freire Sobrinho e Antônio Carlos de Faria.

– Ofício do Gabinete do Prefeito comunicando comparecimento para prestação de contas quadrimestral do Executivo no dia 29/05/2015, às 13:00h.

– Ofício do Departamento de Educação colocando o órgão à disposição para esclarecimentos de dúvidas relativas ao Plano Municipal de Educação.

Arrecadação do IPVA fica 24% abaixo do esperado em Alpinópolis

Frota alpinopolense aumentou de 8.810 (2014) para 9.252 (2015) veículos.

Frota alpinopolense aumentou de 8.810 (2014) para 9.252 (2015) veículos.

Dados da Secretaria de Estado da Fazenda de Minas Gerais (SEF) indicam que a arrecadação do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) em 2015 em Alpinópolis ficaram abaixo do esperado. Até o dia 31 de março, prazo final para o pagamento das três parcelas, a arrecadação somou R$ 2.273.526,95 sendo 24,05% inferior ao valor de R$ 2.993.575,07 esperado para os três primeiros meses deste ano.