Monthly Archives: julho 2014

Mais de mil propriedades rurais em Alpinópolis deverão ser cadastradas

carRecentemente foi publicada a Instrução Normativa 2/2014 do Ministério do Meio Ambiente que estipula o prazo de um ano para a vigência do Cadastro Ambiental Rural (CAR), bem como o funcionamento do Sistema de Cadastro Ambiental Rural (SiCAR).

Homem é baleado por adolescente em Alpinópolis

Prédio da Cadeia Pública de Alpinópolis

Suspeito foi apreendido e está sob custódia da Polícia Civil

Mais um crime violento foi registrado na madrugada deste domingo (20) em Alpinópolis. Desta vez um homem foi baleado por um adolescente na Praça São Miguel (Pracinha do Cemitério), no bairro São Benedito. Segundo relato da própria vítima o menor D.F.M., de 17 anos, efetuou dois disparos de arma de fogo contra seu corpo, acertando um no rosto e outro no abdômen. O homem foi socorrido e imediatamente levado para a Santa Casa de Misericórdia de Passos, onde recebeu atendimento e permanece internado.

FÓRUM DE ALPINÓPOLIS ACUMULA MAIS DE SETE MIL PROCESSOS

São comuns as reclamações de cidadãos brasileiros quando o assunto é Justiça. Mais de 90% dos moradores de sete regiões metropolitanas de nosso país consideram que a Justiça no Brasil é lenta ou muito lenta na resolução de conflitos, segundo pesquisa feita pela Escola de Direito de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas (SP).processos_forum_alp

A situação em pequenas cidades, como Alpinópolis, não foge à regra da malquista morosidade dos processos judiciais no Brasil e a insatisfação da população também não é diferente da dos habitantes dos grandes centros urbanos. Porém, onde quer que seja, é necessário que seja feita uma análise mais acurada do problema antes de sair por aí maldizendo juízes, promotores, escrivães, oficiais de justiça e outros serventuários da Justiça pela lentidão nos processos. O problema ultrapassa as possibilidades de ação dos diretores dos fóruns locais e configura mais um dos entraves estruturais do sistema federativo brasileiro. O Poder Judiciário acaba concentrando a maior parte de seus recursos nas cúpulas dos tribunais e os meios acabam chegando de forma insatisfatória onde a população de fato se encontra, ou seja, nas varas e comarcas.

Exposição “EXPLOSÃO DE CORES” exibe obras da artista alpinopolense Elígia Maria

Elígia MariaUma garota mais que especial! Assim pode ser definida a artista Elígia Maria, filha de Silanos e Andréa. Essa especialíssima alpinopolense exibiu seus trabalhos em uma exposição denominada “Explosão de Cores”, realizada entre os dias 26 e 30 de maio no Teatro São Paulo, em Alpinópolis. Oportunidade ímpar para leigos e profissionais da área compartilharem do talento da pintora. Sorte de quem viu.

Alpinópolis… Uma cidade à mercê do crime?

EDITORIAL

Já foi o tempo em que a violência era característica apenas das grandes cidades do país. Um levantamento feito pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), mostra que a taxa de homicídios em pequenos municípios cresceu 52,2% nos últimos 10 anos. Enquanto isso, em sentido contrário, nas grandes cidades houve uma queda de 26,9% nos índices de assassinatos. Nas cidades médias, cujas populações variam entre 100 e 500 mil habitantes, a taxa cresceu 7,6%. Fato é que já não é necessário consultar pesquisas de institutos especializados para perceber isso, haja vista que a realidade tem se jogado nua e crua em nossa frente. Aqui em Alpinópolis, por exemplo, apenas nos primeiros sete meses de 2014 foram registrados cinco casos de homicídio, o que dá uma média de um assassinato a cada 42 dias. Isso sem contar os demais crimes violentos como assaltos a mão armada, espancamentos e estupros.

Jovem de 19 anos é morto a tiros em Alpinópolis

fun 2Mais um assassinato vem engrossar as assustadoras estatísticas da violência na cidade de Alpinópolis em 2014. Desta vez um rapaz de 19 anos foi baleado nas cercanias de sua residência. Segundo o Boletim de Ocorrências feito pela Polícia Militar, por volta de 1h da madrugada desta quarta-feira (9), o jovem Alan Nogueira Fabiano, conhecido pela alcunha de “Fun”, foi encontrado, já sem sinais vitais e com duas perfurações de bala (no peito e nas costas), caído na Rua Antônio Oliveira Lemos, no bairro Rosário.

Julgado improcedente pedido de cassação de Julio Batatinha e Cléber do Lói

Capa (compra de votos)

O juiz eleitoral da 10ª Zona Eleitoral, Dr. Cesar Rodrigo Iotti, julgou nesta terça-feira (1º/07) improcedente o pedido de cassação dos registros e diplomas de Julio Cesar Bueno da Silva, o Julio Batatinha (PTB) e de Cléber José Pereira, o Cléber do Lói (PDT), por captação ilícita de sufrágio nas eleições de 2012. A sentença é referente a uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (processo n° 502-20.2012.6.13.0010) ajuizada por Éder Nilton de Souza Pinto em outubro de 2012. O magistrado acatou a tese da defesa feita pelos advogados dos representados e, em consonância com o parecer do Ministério Público Eleitoral, absolveu prefeito e vice eleitos em 2012. Cabe recurso na decisão.